0

Curso de Letras

O debate de grandes temas nos dias modernos é uma constante. Entre esses temas estão questões universais como o valor da Ciência, da Arte, da Religião, da Técnica e da Tecnologia para a sociedade e seus efeitos na vida do homem.  Frente a um ceticismo acirrado, descrenças e medos, as sociedades se engajam em grandes projetos humanitários, na renovação da esperança de dias melhores. Dentre os projetos que visam produzir mais reflexões sobre o homem, a cultura e a linguagem destaca-se a Educação, com seu papel transformador e caráter democrático.

Pensar e repensar suas práticas sociais requer da sociedade um espaço. No Ensino Superior, os cursos se estruturam para oferecer esse ambiente, na produção de conhecimento, reflexão e desenvolvimento de técnicas e tecnologias, os quais, em movimento centrífugo, retornam para a sociedade que as gerou. A linguagem, dado seu poder simbólico, está entre os temas de constante reflexão pelo homem, por constituir-se como fonte inesgotável de perguntas e reflexões. É neste sentido que o curso de Letras torna-se importante no contexto social, visto que possui, em sua concepção mais intrínseca, um alto poder de produzir reflexões sobre o homem, a língua e a cultura material e simbólica que constrói com suas atividades. A linguagem não apenas um instrumento de comunicação, mas de poder que se estabelece na troca entre os homens.

Em atenção a todas essas marcas e exigências do contemporâneo, nesse espaço você confere a identidade do Curso de Letras da UNIFAP, Campus Binacional de Oiapoque.

 

Seja bem-vindo!

Colegiado de Letras.

 

0

Disciplinas e Período de Matrícula

OFERTA DE DISCIPLINAS – 2019.1 

ATENÇÃO PARA AS DATAS:
Matrícula: 17 a 22 de janeiro (via SIGAA) – para TODOS OS ALUNOS
Ajuste de matrícula: 28/01 a 01/02 (pela coordenação e pelo DERCA)
Trancamento de matrícula: 14 a 22/02 (via DERCA). 

Em breve a coordenação de Letras disponibilizará um manual sobre a matrícula via SIGAA para todos os alunos.

 

Turma: 2018.2 – Sala E01 

Edifício Colares

SEGUNDA

TERÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

Código: COGR0312   Código: COGR0307 Código: COGR0313 Código: COGR0308 Código: COGR0310 Código: COGR0309

18:10 – 22:40 (75h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 22:40 (90h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 22:40 (60h)

Didática da Língua Materna I

Didática Geral

Língua Francesa I

Língua Latina II

Leitura e Produção de Textos II

Teoria da Literatura II

Didática da Língua Materna I

Didática Geral

Língua Francesa I

Língua Latina II

Leitura e Produção de Textos II

Teoria da Literatura II

Didática da Língua Materna I

Didática Geral

Língua Francesa I

Língua Latina II

Leitura e Produção de Textos II

Teoria da Literatura II

Didática da Língua Materna I

Didática Geral

Língua Francesa I

Língua Latina II

Leitura e Produção de Textos II

Teoria da Literatura II

Didática da Língua Materna I

Língua Francesa I

Língua Francesa I

Prof. Substituto 

Prof. Substituto

Prof. Esp. Max Silva

Prof. Me. Rafael Costa

Prof. Substituto 

TL II: Profa. Me. Lucinéia Santos

LF I: Prof. Esp. Max Silva

Turma: 2015.2 – Sala E02

Edifício Colares

 

SEGUNDA

TERÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

Código:COGR0349 

Código:COGR0350 

Código:COGR0352 

Código:COGR0348

Código:COGR1136

- optativa

Código:COGR0351

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 22:40 (90h)

18:10 – 19:50 (30h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 22:40 (105h)

PNEE

Literatura Francesa e Francófona IV

Língua Francesa VII

TCC II

Literatura Amapaense

Estágio em FLE II

PNEE

Literatura Francesa e Francófona IV

Língua Francesa VII

TCC II

Literatura Amapaense

Estágio em FLE II

PNEE

Literatura Francesa e Francófona IV

Língua Francesa VII

Literatura Amapaense

Estágio em FLE II

PNEE

Literatura Francesa e Francófona IV

Língua Francesa VII

Literatura Amapaense

Estágio em FLE II

Língua Francesa VII Língua Francesa VII

Estágio em FLE II

Prof. Esp. Max Silva

Profa. Me. Mariana Alves 

Prof. Me. Rafael Costa

 

Orientador / Prof. Me. Rafael Costa

 

Profa. Dra. Fabíola Reis

Prof. Substituto

 

Turma:  2014.2 – Sala E03

Edifício Colares

SEGUNDA

TERÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

Código:COGR0328

Código:COGR0322 

Código:COGR0326 

Código:COGR0332

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 21:50 (60h)

18:10 – 21:50 (60h)

Sociolinguística

Literatura Portuguesa Clássica

Literatura Brasileira I

Literaturas Francesa e Francófona I

Sociolinguística

Literatura Portuguesa Clássica

Literatura Brasileira I

Literaturas Francesa e Francófona I

Sociolinguística

Literatura Portuguesa Clássica

Literatura Brasileira I

Literaturas Francesa e Francófona I

Sociolinguística

Literatura Portuguesa Clássica

Literatura Brasileira I

Literaturas Francesa e Francófona I

Prof. Substituto

 

 

Prof. Substituto 

Prof. Substituto

Prof. Substituto

0

Funcionamento da coordenação durante o recesso

A coordenação de Letras informa que durante o recesso de fim de ano e período de férias dos professores o atendimento funcionará nas seguintes datas e horários:

- de 07 de janeiro a 07 de fevereiro:

Horário: 08:00 às 12:00 (segunda a quinta), com bolsista Eliandra. 

- De 08 de fevereiro a 13 de fevereiro: 

Horário: 08:00 às 12:00 (segunda a sexta –  bolsista Eliandra) & de 14:00 às 18:00, com a vice-coordenadora (Profa. Fabíola Reis).

 

Demandas podem ser enviadas por email para o letrascampusbinacional@gmail.com.

 

 

 

 

0

Mensagem da coordenação

A coordenação de Letras deseja a todos os discentes e docentes do curso um Feliz Natal e um 2019 de paz, realizações e por uma educação inclusiva!

Boas festas!!

La Coordination des lettres souhaite à tous les étudiants et enseignants du cours un joyeux Noël et une 2019 de paix, de succès et pour une éducation inclusive !

Joyeuses Fêtes !!

581ba09a-f684-454c-9ed2-1516f3bf8f15

0

Formatura das turmas 2014.1 e 2014.2

A formatura ocorreu no Fórum da cidade de Oiapoque no último 05 de dezembro.

O colegiado de Letras Português/Francês parabeniza os novos licenciados em Letras – dupla habilitação em Língua Portuguesa e Francesa – pela Universidade Federal do Amapá – Campus Binacional do Oiapoque.

Parabéns pela grande conquista!

‍‍‍

 

Formatura do curso de Letras

Formatura do curso de Letras

 

A ex-discente e agora professora Diana Jacarandá

A ex-discente e agora professora Diana Jacarandá

Formatura do curso de Letras

Formatura do curso de Letras

Formatura do curso de Letras

Formatura do curso de Letras

 

A coordenadora do curso de Letras, profa. Cleonice Rodrigues Silva, ao lado da ex-discente e agora professora Maïté Sallé

A coordenadora do curso de Letras, profa. Cleonice Rodrigues Silva, ao lado da ex-discente e agora professora Maïté Sallé

 

A professora do curso de Letras Lucinéia Alves ao lado da professora Maïté Sallé

A professora do curso de Letras Lucinéia Alves ao lado da professora Maïté Sallé

 

Professora Manoela Araújo, do colegiado de Letras, ao lado das professoras Maïté Sallé e Claudiane Vieira.

Professora Manoela Araújo, do colegiado de Letras, ao lado das professoras Maïté Sallé e Claudiane Vieira.

 

 

 

0

Divulgação – Programa Professor Assistente de Língua na França e Guiana Francesa

As inscrições para o PROGRAMA ASSISTENTE DE LÍNGUA na FRANÇA e GUIANA FRANCESA, estão reabertas para o Amapá ATÉ O DIA 15 DEZEMBRO DE 2018. Os dossiers podem ser enviados para o email:
catherine.petillon@diplomatie.gouv.fr
ADIDA DE COOPERAÇÃO EDUCATIVA DA EMBAIXADA DA FRANÇA NO BRASIL
Peço a todos que divulguem ao máximo para os estudantes das instituições de ensino superior do Amapá. TODAS AS INFORMAÇÕES SOBRE O PROGRAMA PODEM SER ENCONTRADAS NO SITE DA EMBAIXADA DA FRANÇA:

br.ambafrance.org/Programme-d-assistants-de-langue-portugaise-en-France-Annee-scolaire-2019-2020

AS INSCRIÇÕES FORAM REABERTAS EXCEPCIONALMENTE PARA OS ESTUDANTES DO AMAPÁ POIS ESTE ANO NÃO HOUVE CANDIDATURA DE NENHUMA INSTITUIÇÃO DESTE ESTADO.

0

II Colóquio de Literatura Amapaense/Literatura de Fronteira do Campus Binacional

No último dia 27 de novembro aconteceu nas dependências do Ed. Colares o II Colóquio de Literatura Amapaense/Literatura de Fronteira do Campus Binacional. O evento contou com apresentação de trabalhos dos alunos da disciplina Literatura Amapaense, ofertada para a turma 2018.2. Foi a primeira vez que os alunos apresentaram um trabalho acadêmico em um evento.

A profa. Dra. Alai Garcia Diniz foi a convidada para o evento. Professora aposentada pela UFSC e professora convidada com financiamento pela Fundação Arauacária na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE ), a professora Alai trabalha com Literatura de Fronteira no contexto das demais fronteiras latinas, principalmente da tríplice fronteira do Iguaçu, e falou sobre o trabalho que desenvolveu junto a uma aluna Guarani que resultou num TCC com um vídeo-documentário também em Guarani. O filme, intitulado “Guataha” (A viagem), foi exibido durante o evento.

O escritor Ramiro Esdras Batista foi o convidado para falar sobre o escritor da/na fronteira, um momento em que fala-se sobre as experiências da escrita criativa e divulgação de trabalhos.

Os certificados do evento serão enviados até dia 10/12 pelo e-mail cadastrado na lista de frequência.

Abaixo, veja as fotos do evento.

Profa. Dra. Alai Garcia Diniz no evento

Profa. Dra. Alai Garcia Diniz no evento

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Apresentação dos alunos

Ramiro Esdras Batista, escritor convidado que escreve na/sobre a fronteira

Ramiro Esdras Batista, escritor convidado que escreve na/sobre a fronteira

 

 

 

 

 

 

0

II Simpósio Tradução – Criação – Recriação

O I Simpósio Tradução – Criação – Recriação, ocorrido em 2016, trouxe ao público acadêmico pesquisas relacionadas com tradução literária e linguística. Este ano o Simpósio traz como principal temática “Tradução e Minorias”, objetivando assim apresentar trabalhos que relacionem tradução e povos e grupos marginalizados e periféricos, marcando, desta forma, a periodicidade em que o simpósio será realizado. Dentro da temática, serão aceitos trabalhos que envolvam a questão da tradução, a noção de reescrita e da criação com poetas e autores indígenas, negros, da África, de grupos considerados minoritários no Brasil e no mundo, de línguas e de literaturas consideradas menores (DELEUZE & GUATTARI, 2002). Também serão aceitos trabalhos de diversas áreas dos Estudos da Tradução. O evento ocorrerá em Macapá nos dias 29 e 30 de novembro de 2018. Os trabalhos apresentados no II Simpósio Tradução – Criação – Recriação serão publicados em livro em agosto de 2019.

Cartaz do II TCR

Cartaz do II TCR

PROGRAMAÇÃO

29/11 – QUINTA-FEIRA
08:00 – 10:00 – Credenciamento para ouvintes e participantes
09:00 – Palestra de abertura: Por que ler uma obra traduzida? O caso Carolina Maria de Jesus (Profa. Dra. Fabíola Reis – UNIFAP)
10:30 – coffee-break  
10:45 – Sessão de Comunicação I – Tradução Literária e História da Tradução
12:00 – Intervalo para almoço 
15:00 – Sessão de Comunicação II – Tradução, reescrita e manipulação da Fama Literária
1.     Tradução e Manipulação: O caso da legendagem nas paródias brasileiras do trecho do filme “A Queda” – Bruno Xavier Alves (UNIFAP)
16:30 – coffee-break 
17:00 – Sessão de Comunicação III – Reescrita, antropofagia e narrativas ameríndias 
 
1.     Guerra, Tradução e Traição: Pelo direito a uma memória e história elaborada em termos Palikur-arukwayene / Uyapkun, Amapa’ú, Brasil. – Ramiro Esdras Batista Carneiro (UNIFAP)
2.     A reescrita antropofágica em O Tetraneto Del-Rei, de Haroldo Maranhão: O lugar do indígena na refundação da historiografia brasileira – Thaís do Socorro Pereira Pompeu Sauma (IFPA – Belém)
30/11 – SEXTA-FEIRA
09:00 – Palestra – Alai Garcia Diniz
10:30 – coffee-break
10:45 – Sessão de Comunicação IV – Tradução e Reescrita de Fãs
1.     Tradutoras-ciborgues – Leitoras e Tradutoras na internet – Fabíola Reis (UNIFAP – Campus Binacional do Oiapoque)
2.     A questão da autoria feminina em fanfictions do gênero boy’s love – Lara Utzig (IFAP – Macapá)
12:00 – intervalo para almoço
15:00 Sessão de comunicação V
17:00 – encerramento

 

CAMPANHA DE ARREDAÇÃO DE LIVROS INFANTIS
O II Simpósio Tradução – Criação – Recriação está promovendo uma campanha para arrecadação de livros infantis que serão destinados para a nova biblioteca da Associação Cultural Uaçá. Quem tiver interesse, pode levar um livro (novo ou usado) no dia do evento.
2

Dia da Consciência Negra

O curso de Letras do Campus Binacional  levantou discussões e promoveu debates no Dia da Consciência Negra.

Pela manhã, a profa. Me. Lucinéia Alves participou, junto com o escritor de A Noite dos Cristais e professor de Língua Francesa Luís Fulano de Tal, do IFAP no Ar, na rádio Fronteira FM. A docente falou sobre a importância das cotas, sobre os índices de violência e qualidade de vida das pessoas negras no nosso país.

Lucinéia Alves ao lado de Luís Fulano de Tal. A conversa do IFAP NO AR também contou com a participação de formandos e docentes do IFAP - Campus Avançado.

Lucinéia Alves ao lado de Luís Fulano de Tal. A conversa do IFAP NO AR também contou com a participação de formandos e docentes do IFAP – Campus Avançado.

 

À tarde, a partir das 15:00, ocorreu o CINEMA E DEBATE pelo Dia da Consciência Negra, com a exibição do filme “Estrelas Além do Tempo” (2017) e do documentário “Menino 23″, filmes com discussões promovidas pelas professoras do colegiado de Letras Fabíola Reis e Lucinéia Alves . Após a exibição de cada filme, houve discussão sobre os temas abordados, como a questão da segregação racial na educação, desigualdade social e trabalho escravo no Brasil.

Público durante a exibição de "Estrelas Além do Tempo" (2017)

Público durante a exibição de “Estrelas Além do Tempo” (2017)

Público durante a exibição de "Menino 23" (2016)

Público durante a exibição de “Menino 23″ (2016)

 

Profa. Me. Lucinéia Alves fez a mediação do debate em "Menino 23" (2016)

Profa. Me. Lucinéia Alves fez a mediação do debate em “Menino 23″ (2016)

 

 

Profa. Dra. Fabíola Reis explicou sobre as leis de segregação nos Estados Unidos e como elas afetavam a educação e a busca por trabalho por parte da população negra.

Profa. Dra. Fabíola Reis explicou sobre as leis de segregação nos Estados Unidos e como elas afetavam a educação e a busca por trabalho por parte da população negra.

 

Durante o intervalo, os participantes puderam trocar ideias sobre o tema.

Durante o intervalo, os participantes puderam trocar ideias sobre o tema.

0

Reunião de Colegiado – 23.11.2018

Convocação para reunião ordinária do Colegiado de Letras

Data: 23 de novembro de 2018.
Hora: 14h 00
Local: Edifício Colares – Sala E01
Pautas:
1. Informes;
2. Ofertas de disciplinas para 2019.1;
3. Projetos de extensão;
4. Projetos de pesquisa;
5. Redução de carga horária – Profa. Juliana Castro;
6. Parecer da aluna Roseane (2015.2);
7. O que ocorrer.