0

Abertura do semestre letivo 2019.1

Mais um ano letivo se inicia na UNIFAP Campus Santana e com ele, novas expectativas, novos projetos, novos anseios, novos desejos de que tudo ocorrerá dentro do esperado. Trata-se de uma verdade, cujos propósitos têm tudo para dar certo, mas para isso se faz necessária dedicação e, acima de tudo, planejamento, compromisso e responsabilidade.

Estamos de volta!

Bom semestre para tod@s!

 

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

0

Biblioteca Setorial enriquece seu acervo com novos livros

Com a intenção de melhor atender às necessidades de ensino, pesquisa e extensão dos acadêmicos e professores, a biblioteca setorial do Campus Santana conta agora com um acervo de mais de 1,5 mil novos exemplares de livros indicadas nos planos de ensino das disciplinas dos três cursos de graduação, contando também com exemplares multidisciplinares de áreas que já estão disponíveis para empréstimos.

Tal ação é parte da cooperação da Biblioteca Central e PROGRAD com apoio da reitoria celebrado junto a direção do Campus Santana. Além destes, a Biblioteca do CSTN estará recebendo centenas de novos exemplares nos próximos dias.

O enriquecimento do acervo foi e será uma das ações priorizadas para promover qualidade e oportunidade para a expansão do conhecimento dos acadêmicos e professores.

A direção.

Livros

 

 

 
0

Acadêmicos do Campus Santana lançam os livros “Metades” e “Arquipélago”

No dia 29 de novembro, recebemos com satisfação a acadêmica e autora Dayane Miranda (curso de Filosofia) e o acadêmico e autor Wirle Santos (curso de Letras) para o lançamento e noite de autógrafos dos livros “Metades” e “Arquipélago”.

O evento ocorreu no Auditório do Campus Santana e teve a presença de amigos, familiares, docentes e discentes.

Num diálogo descontraído, os autores apresentaram suas obras, em que o livro “Metades” apresenta vários contos de amor de diversos autores e o livro “Arquipélago” reúne poemas de vários autores de todo o Brasil, dentre eles uma Amapaense, que conta através dos versos sua história de amor.

Fotos do evento:

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.23

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.22 (1)

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.22

 

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.21

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.20 (1)

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.20

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.19 (1)

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.19

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.18 (1)

WhatsApp Image 2018-12-05 at 17.51.18

 

0

Projeto “Resistência Verde”

O campus Santana da Universidade Federal do Amapá (Unifap) ganha um novo visual, graças a recente iniciativa denominada “Resistência Verde”. O projeto de paisagismo criado por alunos e professores da instituição e com o apoio da direção do Campus quer contribuir para a preservação do meio ambiente, e para o conforto e lazer dos frequentadores da universidade. Sem falar na beleza do lugar, não é?
A iniciativa surgiu em setembro desse ano, mas era um desejo antigo dos frequentadores do campus e foi através do professor de filosofia, Rodrigo Reis Lastra Cid, de 34 anos, que o projeto tomou forma. Ele reuniu as pessoas interessadas e pôs em prática a vontade coletiva.

“Eu vi uma série de potencialidades não aproveitadas, além da vontade dos alunos. Então eu falei: esse é o caminho, vamos fazer. Para mim, poder coordenar esse projeto é uma forma de contribuir tanto para deixar o meu ambiente de trabalho e o ambiente de estudo deles (alunos) mais satisfatório”, disse o professor.
Resistência Verde
O projeto prevê a plantação de árvores ornamentais e frutíferas, além de hortaliças que serão usadas para o consumo da própria comunidade acadêmica. Também serão construídos redários e uma área de convivência. Além disso, o projeto visa trabalhar a conscientização ambiental, aumentando a preservação e diminuindo a poluição dentro e fora do campus.

“Além de ser um projeto que pode conscientizar, é uma forma de estimular o cuidado com relação ao outro e de criar um ambiente agradável também. A grande importância está sendo a integração. Esse trabalho em conjunto está sendo feito para satisfazer a necessidade dos próprios alunos, de ter um campus mais bonito e agradável”, comentou Rodrigo.

O trabalho começou com a capina e limpeza do campus e agora os voluntários já estão trabalhando com o plantio de mudas e construção de redários e objetos para a área de convivência. Todos os materiais para a concretização desse projeto como plantas, pneus, pallet e garrafas pets, foram doados ou reciclados.

WhatsApp Image 2018-12-03 at 14.31.09 (1)WhatsApp Image 2018-12-03 at 14.31.09WhatsApp Image 2018-12-03 at 14.31.08WhatsApp Image 2018-12-03 at 14.31.05

São cerca de 20 pessoas engajadas diretamente no projeto, entre alunos e professores. Um deles é o artesão e estudante de filosofia Adriel Gonçalves Sousa das Neves, de 30 anos, que já está usufruindo dos benefícios da iniciativa.

“O projeto tem sido uma terapia para minha vida e uma oportunidade de mostrar o meu trabalho como artesão. A iniciativa tem animado muitos a nossa volta e saindo da sala de aula, a gente mantem uma relação diferente, com um melhor convívio e aprendizado. A natureza também nos traz uma paz imensa”, afirmou Adriel Neves.
Doações
Interessados em doar materiais que possam ajudar na concretização do projeto ou mesmo pessoas que querem conhecer a iniciativa, podem entrar em contato através do telefone (21) 97935-7736 ou pelo e-mail rodrigorlcid@gmail.com.

“Quanto mais pessoas estiverem envolvidas nisso, melhor. A gente gostaria que ele crescesse”, finalizou o coordenador do projeto.

Fonte: https://www.bemtucuju.com/2018/11/alunos-e-professores-da-unifap-em.html