Festival de Imagem-Movimento encerra a 1ª temporada de Lives de Quinta

Festival de Imagem-Movimento encerra a 1ª temporada de Lives de Quinta

O Festival Imagem-Movimento (FIM) encerrará nesta quinta-feira, 25, sua primeira temporada de entrevistas virtuais. 

O Festival de Imagem-Movimento (FIM) encerra nesta quinta-feira, 25, sua primeira temporada de entrevistas virtuais. Intitulada Lives de Quinta, o projeto é voltado para entrevistas com diversos profissionais do audiovisual amapaense.

O intuito das lives, segundo os responsáveis pelo projeto, seria o de trazer para o público as produções de conteúdo voltadas para o formato virtual, por razão do distanciamento social, e a solução para isso foi a criação do Lives de Quinta. A iniciativa já teve 36 entrevistas ao vivo, com diversos artistas e produtores de audiovisual Amapaenses, que relataram suas trajetórias, ao longo deste ano. 

O tema para a live de encerramento da primeira temporada do projeto será “O audiovisual do Amapá do outro lado do rio”, que busca discutir o assunto com três convidados que, de alguma forma, possuem a vivência desta travessia em algum ponto a partir de seus trabalhos no audiovisual Amapaense. Os convidados serão os realizadores visuais Rodrigo Aquiles (@movemoov), Rayane Penha (@_raypenha) e o MC Super Shock (@shockmc_). 

A conversa acontecerá através do canal no YouTube do FIM, as 20h pelo horário de Brasília. Clique no link e acione o lembrete de notificação da live para assistir ao vivo. 

Confira também as lives anteriores de quem já participou da trajetória de transmissões do projeto em: https://www.youtube.com/c/festivalfim

Foto/Imagem: Instagram @festivalfim

FESTIVAL IMAGEM-MOVIMENTO (FIM) 

O Festival Imagem-Movimento é o festival de audiovisual mais antigo da Região Norte do Brasil. Ele é realizado, anualmente, desde 2004. Desde então, suas ações se diversificaram com foco em ser uma janela do audiovisual brasileiro no Amapá, espaço de qualificação de realizadores, formação de público e estímulo à produção audiovisual local.

Atualmente, o festival continua recebendo inscrições de filmes de todo o Brasil e de outros países. Todos os filmes que o festival recebe passam pela análise da curadoria e podem ou não ser selecionados para compor a programação de uma das edições. Após ser selecionado pela curadoria do festival, o filme é colocado em uma das mostras temáticas que compõem cada edição. Dentre todas as mostras do FIM, a Mostra Fôlego (instituída em 2015) possui uma dinâmica diferenciada pelo fato de ser dedicada exclusivamente às produções audiovisuais amapaenses e por ser a única mostra do festival de caráter competitivo. Nela, a produção destaque do ano é escolhida pela soma do voto do júri popular com o voto do júri técnico, recebendo o Prêmio Gengibirra de Audiovisual. Ao longo de suas edições, a mostra fôlego já premiou os filmes: Encantes (documentário), Cartas Sobre o Nosso Lugar (documentário), Macapá Quebrada (vídeo clipe), De domingo a Domingos (documentário) e na última edição, o videoclipe Madalena.

 

Colaboração de texto: Izabele Pereira (Bolsista de Extensão do Escritório Modelo/Rádio e TV UNIFAP, 2021)


ATENÇÃO – As informações, as fotos, imagens e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: Escritório Modelo/Rádio e TV UNIFAP, 2021.

 

 

 Acesse as Redes Sociais Oficias da TV e Rádio UNIFAP:  
·         Facebook: https://www.facebook.com/96.9fm 
·         Instagram: https://www.instagram.com/radiounifapoficial/
·         WebRádio: https://estacao.radio.br/radiounifap96/webapp/