Agosto Lilás: Veja a programação de campanha do mês de violência contra mulher

Agosto Lilás: Veja a programação de campanha do mês de violência contra mulher

TJAP dá inicio a campanha nesta segunda feira e estenderá até o final do mês.

O início do mês de agosto simboliza o início do mês de Conscientização pelo Fim da Violência contra a Mulher. Por isso, no dia 02 de agosto, às 15h:30, ocorre a abertura oficial da campanha Agosto Lilás, organizada pela Justiça do Amapá (TJAP). O evento será realizado de forma híbrida, através da plataforma Zoom e no Plenário do TJAP, localizado na Rua General Rondon, no centro da cidade. 

A mobilização conta também com a realização do curso “Capacitação em Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher com ênfase na Perspectiva de Gênero”, ministrado pelo desembargador Carmo Antônio de Souza. 

Durante todo o mês de agosto, a programação se dividirá em três momento: a “Campanha Justiça Pela Paz em Casa”, os 15 anos da Lei Maria da Penha e dois anos da Lei Estadual de Combate ao Feminicídio. As ações seguirão até o dia 31/08 com diversas atividades.

Entrou em vigor a Lei “Sinal Vermelho Contra a Violência Doméstica
Fonte: TJAP/Divulgação

Vale lembrar que entrou em vigor no dia 29 de julho a Lei 14.188/21 “Sinal Vermelho Contra a Violência Doméstica”, que visa incentivar as mulheres a denunciarem situações de violência mostrando um “X” escrito na palma da mão, de preferencialmente na cor vermelha, para facilitar a identificação.

Denuncie a violência domestica contra a mulher
Foto: TJAP/Divulgação

Todo mês de agosto o governo do Amapá destina ao mês lilás na qual ocorre uma campanha destinada a luta contra a violência contra mulher, desde o inicio da pandemia, mulheres passam a ficar mais em suas cassas e muitas vezes, mais com os seus agressores e essa preocupação vem desde sempre, se você está sofrendo algum tipo de violência física e psicológica, denuncie, ligue para a central de atendimento a mulher pelo numero 180.

Todo mês de agosto o Governo do Amapá realiza o mês lilás, destinado à luta contra a violência doméstica. Desde o início da pandemia, mulheres passaram a ficar isoladas em suas casas, confinadas com seus agressores. Se você está vivenciando ou conhece alguém que esteja em situação de violência física ou psicológica, ligue para a Central de Atendimento à Mulher (180) e denuncie. 

Colaboração de texto: Diego Balieiro (Bolsista de Extensão do Escritório Modelo/Rádio e TV UNIFAP, 2021)


ATENÇÃO – As informações, as fotos, imagens e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: Escritório Modelo/Rádio e TV UNIFAP, 2021.

 

 

 Acesse as Redes Sociais Oficias da TV e Rádio UNIFAP:  
·         Facebook: https://www.facebook.com/96.9fm 
·         Instagram: https://www.instagram.com/radiounifapoficial/
·         WebRádio: https://estacao.radio.br/radiounifap96/webapp/