Projeto de Cooperação Educacional Internacional entre o Brasil e a Guiana Francesa é destaque na imprensa guianense

       Este Projeto intitulado Educação Prisional Transfronteiriça, é o resultado de uma frutuosa cooperação entre os países em destaque, em diferentes serviços educacionais, alicerçados no tripé ensino, pesquisa e extensão. Ele é uma das respostas às necessidades de formação/ensino aos internos brasileiros no Centro Penitenciário da Guiana. Acima de tudo visa proporcionar ao interno o domínio dos saberes de base, de apropriação de uma imagem positiva de si mesmo e de um exercício das responsabilidades de cada cidadão. Além disso, objetiva também preparar o interno para participar dos Exames de Competências, como ENCCEJA e ENEM.

        A coordenação do Projeto está sob a responsabilidade do Profº Dinaldo Barbosa do Colegiado de História do Campus Binacional de Oiapoque e com a colaboração dos Professores dos 8 cursos do mesmo Campus. A promoção do Projeto está a cabo do Centro Penitenciário da Guiana, do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá e da Universidade Federal do Amapá, e estas, chanceladas pelo Consulado Geral do Brasil na Guiana Francesa.

004

Deixe uma resposta


*