Boas-vindas à nova Mestra do Binacional Professora Nádia Cristine Coelho Eugenio

Com o título “Identificação de sintomas psicopatológicos em escolares da fronteira franco brasileira e questões associadas”, a mestra do programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde – PPGCS e professora do Colegiado de Enfermagem do Campus Binacional Nádia Cristine Coelho Eugenio conseguiu versar sobre questões caras que envolvem a comunidade no entorno da fronteira franco-brasileira, especialmente no município do Oiapoque, a citar: violência, sofrimento mental, direitos humanos, educação, entre outros.

 

Sob a orientação das professoras doutoras Maria Izabel Tentes Cortes e Marina Nolli Bittencourt, a mestra conseguiu através de um estudo inovador na fronteira, agregar ferramentas tecnológicas, princípios educacionais e parâmetros de saúde pública.

 

 

A composição da Banca ficou a cargo dos Professores: Dra. Maria Izabel Tentes Cortes, Dra. Selma Gomes da Silva, Dr. José Luís da Cunha Pena e do Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior.

Não obstante, “As questões associadas as variações psicopatológicas do estudo podem estar relacionadas aos determinantes sociais desta população podendo ser explicados por alguns fatores como: baixa renda, nível de escolaridade baixa, falta de espaços destinados a prática de atividade física e eventos culturais, inexistência de saneamento básico. Os munícipes de Oiapoque padecem com a falta de estrutura da cidade, falta de lazer, dificuldade de acesso a quadras esportivas ou ambientes que possam propiciar momentos de lazer para a população. Tais fatores podem influenciar na qualidade de vida da população em especial das crianças e adolescentes que estão em pleno processo de desenvolvimento biopsicossocial. Todos estes fatos podem contribuir significativamente para o adoecimento mental dos escolares do município”, conclui a Mestra Nádia Cristine.

 

Nós do Binacional parabenizamos esta Profissional e desejamos o rápido ingresso no Doutorado.

“Feminicídio e Violência Doméstica: Abordagem Jurídica e Contexto da Fronteira Franco-Brasileira”

 

Será realizado no dia 06 de abril do corrente, a palestra “Feminicídio e Violência Doméstica: Abordagem Jurídica e Contexto da Fronteira Franco-Brasileira”, às 14h, na sala D2, Campus Binacional do Oiapoque – UNIFAP. O evento contará com as apresentações do professor Alexandre Marcondys Ribeiro Portilho, professor de Direito Penal da Universidade Federal do Amapá, das acadêmicas de Direito Nelcilene Agostinho de Souza (que apresentou trabalho de conclusão de curso na área de violência contra a mulher) e Carla Estefany de Lima Meireles, e a historiadora formada pela UNIFAP Jéssica Mendes Dias, que abordará os índices de violência contra a mulher no município do Oiapoque/Amapá.

O evento é a primeira ação do projeto de extensão “I Ciclo de Palestras sobre Temas Emergentes em Direito Público na Fronteira Franco-Brasileira”, coordenado pela professora Daniele Cristine Silva Barreto, do Colegiado de Direito da UNIFAP – Campus Binacional do Oiapoque.

O evento é aberto ao público externo e as inscrições devem ser realizadas no local, a partir das 13h30. Será emitido certificado de 4 horas, pela participação.

Cerimônia de outorga dos concluintes dos cursos de graduação do Campus Binacional de Oiapoque será realizada em maio de 2019

Conforme o memorando eletrônico nº 215/2019 – ASSEPROG Informamos a comunidade acadêmica do Campus Binacional de Oiapoque que a cerimônia de outorga dos estudantes concluintes irá acontecer no município de Oiapoque no dia 30 de maio de 2019. Salientamos que o envio dos processos de documentação dos formandos e formandas deve ser enviada até dia 08 de maio para o Departamento de Registro e Controle Acadêmico DERCA, em forma de processo digital individual. Para maiores informações procurem o Divisão de Registro e Controle Acadêmico (DIRCA) do Campus.

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA BOLSA TRABALHO UNIVERSITÁRIA

EDITAL 01/2019/DIEAC/COPEA/UNIFAP, de 05 de abril de 2019

A Coordenação de Pesquisa, Extensão e Ações Comunitárias – COPEA, por intermédio de sua Divisão de Extensão e Ações Comunitárias – DIEAC, torna público e convoca os discentes dos cursos de graduação da Universidade Federal do Amapá – UNIFAP, Campus Binacional de Oiapoque, a participarem do processo de seleção para o Programa Bolsa Trabalho Universitária, com base no que rege a Resolução Nº 014/2006 – CONSU/UNIFAP, de 26 de junho de 2006, demais regramentos institucionais, bem como as normas contidas neste Edital.

EDITAL-01_2019_COPEA_BOLSA-TRABALHO

EDITAL 01/2019/PROCRI/UNIFAP – SELEÇÃO DE ACADÊMICOS PARA MOBILIDADE NACIONAL 2019.2 COM AUXÍLIO FINANCEIRO PARA OS CAMPI MARCO ZERO E INTERIOR

Pró-reitoria de Cooperação e Relações Interinstitucionais (PROCRI) divulgou o Edital nº 01/2019, referente à inscrição e seleção de alunos interessados em fazer Mobilidade Acadêmica Nacional com bolsas, no segundo semestre letivo de 2019, nos termos do convênio firmado entre as instituições federais de ensino superior para viabilização do Programa de Mobilidade Acadêmica Nacional.

EDITAL-01-2019-PROCRI-UNIFAP-Auxílio-Mob-Nacional-2019.2-1

ANEXO-I-CADASTRO

ANEXO-II-PLANO-DE-ESTUDO

ANEXO-III-PLANILHA-PONTUAÇÃO

Formulário-de-recurso1

Acadêmica de Enfermagem formada no Campus Binacional, foi aprovada no Programa de Residência em Saúde Coletiva na área de Saúde mental.

 

 

Adriana Brandão Ribeiro

A acadêmica Adriana Brandão Ribeiro da 2º turma – 2014.2 de Enfermagem do Campus Binacional de Oiapoque, recém formada em Bacharel em Enfermagem no mês de dezembro de 2018, foi aprovada em março deste ano no Programa de Residência em Saúde Coletiva na Área de Saúde Mental pela Universidade Federal do Amapá – UNIFAP, a acadêmica que participou pela primeira vez, concorrendo a uma das três vagas ofertadas, foi aprovada em segundo lugar.

Adriana Brandão Ribeiro

 

Adriana Brandão disse está muita agradecida a Deus em primeiro lugar, em especial a Professora Fernanda Matos Fernandes Castelo Branco do colegiado de Enfermagem do Campus Binacional, aos docentes do curso e a todos que contribuíram direta e indiretamente na construção dessa vitória em sua vida.

PROFESSORA DO CURSO DE ENFERMAGEM PARTICIPA DE CONGRESSO INTERNACIONAL

 

A professora Dra. Fernanda Matos Fernandes Castelo Branco, atualmente cursando pós-doutorado na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra em Portugal, participou no último dia 29 do 1st  Internacional Congresso of Occupational Health Nursing realizada na cidade de Aveiro-PT.

Na ocasião apresentou dois trabalhos, oriundos de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do curso de graduação em Enfermagem, do campus Binacional intitulados: Saúde de trabalho de motoristas de transporte alternativo na região norte brasileira da aluna Adriana Brandão Ribeiro (atualmente enfermeira residente em Saúde Mental pela Universidade Federal do Amapá) e Esgotamento profissional entre servidores de uma universidade da região amazônica brasileira, do aluno Carlos Sampaio Côrrea, trabalho este coorientado pelo professor Dr. Carlos Manuel Dutok.

Aprovados no processo seletivo ao Curso de Mestrado em Letras – Turma 2019 do Programa de Pós-graduação em Letras (PPGLET) da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) – PPGLET/UNIFAP

O Curso de Licenciatura Intercultural Indígena, Campus Binacional – UNIFAP, se orgulha de ter 7 egressos na lista de aprovados no processo seletivo ao Curso de Mestrado em Letras – Turma 2019 do Programa de Pós-graduação em Letras (PPGLET) da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) – PPGLET/UNIFAP. O curso tem como área de concentração ‘Linguagens na Amazônia’ e está estruturado em 02 (duas) Linhas de Pesquisa: (1) Diversidade Linguística na Amazônia; (2) Literatura, Cultura e Memória

Os novos mestrandos optaram pelas seguintes linhas de pesquisa:

(1) Diversidade Linguística na Amazônia

ALDIERE ORLANDO – Etnia Palikur – Turma 2008 – Licenciatura em Letras – Faculdade Vale do Acaraú – AP

GISELIA MACIEL GABRIEL – Etnia Galibi-Marworno – Turma 2009 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

JACIARA SANTOS DA SILVA – Etnia Galibi-Marworno – Turma 2007 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

JANINA DOS SANTOS FORTE – Etnia Karipuna – Turma 2012 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

JOÃO ALEXANDRE BERTILIANO CHARLES – Etnia Galibi-Marworno – Turma 2008 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

MARIA SÔNIA ANIKÁ – Etnia Karipuna – Turma 2009 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

MAXWARA DOS SANTOS CARDOSO – Etnia Karipuna – Turma 2010 – Licenciatura em Pedagogia – Universidade do Estado do Amapá (UEAP)

 

(2) Literatura, Cultura e Memória

BRUNA DOS SANTOS ALMEIDA – Etnia Karipuna – Licenciatura em Letras – Campus Oiapoque – UNIFAP

GELSON PASTANA MACIEL – Etnia Galibi-Marworno – Turma 2010 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

NORDEVALDO DOS SANTOS – Etnia Galibi-Marworno – Turma 2009 – Licenciatura Intercultural Indígena – Campus Oiapoque – UNIFAP

 

O processo foi realizado através do edital n.º 01/2018 no período de 21 de janeiro a 27 de março de 2019.

Parabéns a todos que conseguiram chegar a esta nova etapa da vida acadêmica!!!!

Profª Drª Mara Santos – Curso de Licenciatura Intercultural Indígena (CLII); Programa de Pós-graduação em Letras (PPGLET).

COLÓQUIO INTERNACIONAL Université de Guyane 14 e 15 de novembro de 2019

 

                                            

EDITAL

As reações internacionais após o anúncio do projeto de Bolsonaro de vincular o Ministério do Meio Ambiente ao Ministério da Agricultura lembraram a que ponto a Amazônia era um objeto de controvérsia, um patrimônio ambiental cobiçado e fantasiado. Esse debate traz à luz as tensões entre duas percepções: o direito à organização e à exploração de um espaço soberano, e a vontade de preservar a qualquer custa o « pulmão do planeta ». No caso da Guiana, é o controvertido projeto da Montanha de ouro que cristaliza esses debates em escala nacional.

EDIATAL tradução COLLOQUE INTERNATIONAL

Processo eleitoral do Colegiado do Curso de Licenciatura em Letras Português–Francês do Campus Binacional

De acordo com o Art. 12º. Os candidatos devem compor chapas e registrá-las, junto a um membro da Comissão Eleitoral, que estará efetuando registro das chapas na Coordenação do Curso de Licenciatura em Letras, localizada no Campus Binacional da UNIFAP, no horário de 15hrs as 18hrs, mediante requerimento, conforme o anexo I deste edital, assinado pelo candidato ao cargo de Coordenador (a), nos dias 22/03/2019 a 26/03/2019.

Chapa inscrita para Coordenador do Curso de Licenciatura em Letras Português-Francês do Campus Binacional.

 

Candidato Coordenador: MAX SILVA DO ESPÍRITO SANTO – SIAPE: 1619531

Vice Coordenadora: FABÍOLA DO SOCORRO FIGUEREDO OS REIS – SIAPE: 2388155

Edital – Eleição Coordenador de Letras2019 OK