Boas-vindas à nova Mestra do Binacional Professora Nádia Cristine Coelho Eugenio

Com o título “Identificação de sintomas psicopatológicos em escolares da fronteira franco brasileira e questões associadas”, a mestra do programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde – PPGCS e professora do Colegiado de Enfermagem do Campus Binacional Nádia Cristine Coelho Eugenio conseguiu versar sobre questões caras que envolvem a comunidade no entorno da fronteira franco-brasileira, especialmente no município do Oiapoque, a citar: violência, sofrimento mental, direitos humanos, educação, entre outros.

 

Sob a orientação das professoras doutoras Maria Izabel Tentes Cortes e Marina Nolli Bittencourt, a mestra conseguiu através de um estudo inovador na fronteira, agregar ferramentas tecnológicas, princípios educacionais e parâmetros de saúde pública.

 

 

A composição da Banca ficou a cargo dos Professores: Dra. Maria Izabel Tentes Cortes, Dra. Selma Gomes da Silva, Dr. José Luís da Cunha Pena e do Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior.

Não obstante, “As questões associadas as variações psicopatológicas do estudo podem estar relacionadas aos determinantes sociais desta população podendo ser explicados por alguns fatores como: baixa renda, nível de escolaridade baixa, falta de espaços destinados a prática de atividade física e eventos culturais, inexistência de saneamento básico. Os munícipes de Oiapoque padecem com a falta de estrutura da cidade, falta de lazer, dificuldade de acesso a quadras esportivas ou ambientes que possam propiciar momentos de lazer para a população. Tais fatores podem influenciar na qualidade de vida da população em especial das crianças e adolescentes que estão em pleno processo de desenvolvimento biopsicossocial. Todos estes fatos podem contribuir significativamente para o adoecimento mental dos escolares do município”, conclui a Mestra Nádia Cristine.

 

Nós do Binacional parabenizamos esta Profissional e desejamos o rápido ingresso no Doutorado.

Fechar Menu