Livro Droits de l’homme Propositions Universelles Parte 1

Foi iniciada no mês de dezembro uma série de atividades alusivas ao lançamento do livro Droits de l’homme Propositions Universelles sob coordenação dos pesquisadores Dinaldo Silva Júnior, Diego Moura de Araújo e Elena Martínez-Zaporta Aréchaga, e com os revisores Genevieve Chevassus, Édina Brito, Teresa Solaz Ramírez e Stéphane Granger.

O livro que é composto por 09 artigos e reúne pesquisadores de várias nacionalidades com temáticas variadas.

Prefaciando a obra, contamos com a contribuição magistral da Embaixadora Ana Lélia Benincá Beltrame. Abrindo a série de artigos, tivemos o artigo INNOVATIONS DU STATUT DE LA PERSONNE HANDICAPÉE ET DE LA RECONNAISSANCE DU MARIAGE DES HANDICAPÉS INTELLECTUELS, sob coordenação dos pesquisadores da UNIFAP e membro do Ministério Público do Estado do Amapá, Cinthia Coutinho Picanço e Nicolau Eládio Bassalo Crispino.

Logo em seguida, o artigo SINOPSIS DE LA RELACIÓN CONSTITUCIÓN POLÍTICA-CONSTITUCIÓN ECONÓMICA EN EL ORDENAMIENTO COLOMBIANO, com a contribuição dos pesquisadores colombianos, Andrea Alarcón-Peña e José López-Oliva. Descrevendo a SYMBOLIC VIOLENCE AND ETHICAL CONFLICTS IN HEALTHCARE FOR ADOLESCENTS, temos os pesquisadores e representantes do Ministério Público do Maranhão, Ilma de Paiva Pereira, Marco Antonio Barbosa Pacheco, Márcio Thadeu Silva Marques, Cássius Guimarães Chai e Rosane da Silva Dias.

Já o artigo PROTECCIÓN INTERNACIONAL DE LOS DERECHOS DE NIÑOS Y NIÑAS MIGRANTES: UNA REFLEXIÓN CRÍTICA contou com os pesquisadores do Chile e Polônia, Bruno Aste Leiva e Marta Szygendowska.

Com ênfase na temática fronteira franco-brasileira, temos 02 artigos, sendo o ANÁLISIS SOBRE MIGRACIONES Y VIOLACIÓN DE LOS DERECHOS HUMANOS, organizado pelos pesquisadores da UNIFAP Joel Sousa do Nascimento, Dinaldo Silva Júnior e Carmentilla das Chagas Martins, bem como, o artigo VIOLENCIA, MUJER Y LA FRONTERA FRANCOBRASILEÑA: CARACTERÍSTICAS Y DIMENSIONES, sob coordenação do professor e pesquisador Dinaldo Silva Júnior e as alunas Biatriz Oliveira da Silva e Josilene Gusmão Amorim.

Aprofundando seus estudos na Universidade de Lisboa, o magistrado e pesquisador da UNIFAP, Diego Moura de Araújo, apresenta o artigo O DEVER DE COOPERAÇÃO NA BUSCA DE UMA SOLUÇÃO AMIGÁVEL AOS CONFLITOS, bem como, na mesma guisa a pesquisadora da Universidade de Lisboa Gisele Amaral Moura de Araújo que trás uma discussão cara sobre A APLICAÇÃO DA RESPONSABILIDADE CIVIL DO PRODUTOR EM PORTUGAL E A DIGNIDADE DOS CONSUMIDORES. Por fim, uma temática urgente é apresentada por Franciani Aparecida de Lara com o artigo TRATADOS INTERNACIONAIS DE PROTEÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS PERANTE O ORDENAMENTO JURÍDICO BRASILEIRO.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949

 

 

 

 

 

Droits_de_l’homme_Propositions_Universelles_divulgação

Alunos de História são destaque em Seminário Internacional

A segunda edição do Seminário Internacional DYAGA foi de suma importância para a construção de novos conhecimentos por parte dos alunos de História do Campus Binacional.

Com o título, Dinâmicas de circulação de bens e pessoas e planejamento territorial na fronteira Guyano-Amapaense (DYAGA), o evento que ocorreu entre os dias 02 e 03 de dezembro possibilitou à comunidade acadêmica da fronteira norte do Brasil, um debate caro. Esta fronteira é marcada pela presença de diferentes fluxos que provocam um impacto territorial sobre a bacia do rio Oiapoque, gerando, por conseguinte, dinâmicas territoriais formais e informais que necessitam de compreensão teóricometodológica e também de ações de políticas públicas organizadoras do território, (Fonte: DYAGA).

Na oportunidade, docentes e discentes do curso de História do Binacional apresentaram os resultados obtidos ao longo do ano de 2019.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949 e acadêmicos do Binacional

Banner_seminário_DyagaOiapoque

 

Aula de Campo: Centro de Custódia do Oiapoque

Os alunos da disciplina Prática de Ensino de História Iv: Ênfase em História Medieval e Moderna, ministrada pelo o Prof. Dr. Dinaldo SILVA JÚNIOR, puderam ampliar seus conhecimentos com a Aula de Campo no Centro de Custódia do Oiapoque.

A partir das leituras dos textos de Ramón Gutiérrez Fortificaciones en Iberoamérica, e de Flávia Maíra de Araújo Gonçalves Cadeia e Correção: sistema prisional e população carcerária na cidade de São Paulo (1830-1890), os discentes conseguiram sistematizar o conteúdo apreendido no que se refere ao surgimento do sistema prisional no Brasil, e em especial, do Oiapoque.

Na oportunidade, agradecemos à Todxs que fazem o Sistema Prisional no Estado Amapá.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Docentes, discentes e gestoras(es) da UNIFAP participam de Colóquio Internacional na Universidade da Guiana.

Entre os dias 14 e 15 de novembro de 2019, docentes, discentes e gestores(as) da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) participaram do Colloque International Littérature, Patrimoine Culturel et Mémoire d’Amazoine. O evento reuniu pesquisadoras(es) de universidades do Brasil, França, Suriname, Guiana Francesa e Bénin (África).

O evento contou com uma organização institucional conjunta, envolvendo como eixo moderador das atividades pesquisadores(as) e estudantes da UNIFAP, UFPA, Universidade Anton de Kom (Suriname) e Université de Guyane (Coletividade Territorial da Guiana). Do lado brasileiro, docentes/discentes dos cursos de História, Letras, Licenciatura Intercultural Indígena, Arquitetura, entre outros, mostraram suas pesquisas em mesas temáticas específicas.

Representando o curso de História (Oiapoque), o professor e pesquisador Paulo Milhomens apresentou o trabalho Ethos da garimpagem na fronteira da Amazônia franco-brasileira – uma análise sociológica, parte de sua pesquisa doutoral em andamento na Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

O encerramento do evento ocorreu na área de eventos do Hotel Amazônia em Cayenne com um cocktail para as(os) convidados(as).

Para conferir o que ocorreu na programação do evento, segue o link:

www.univ-guyane.fr/2019/11/colloque-litterature-patrimoine-culturel-et-memoire-d-amazonie/

Aula de Campo na Aldeia Indígena do Manga

No mês de outubro, o colegiado de História do Binacional consagrou a disciplina Prática de Ensino de História com ênfase em História das Prisões com a apresentação de trabalhos na comunidade tradicional Aldeia Indígena do Manga.

Os trabalhos foram apresentados pelos os acadêmicos do Curso de História oriundos das comunidades tradicionais, indígenas e afrodescendentes, e os demais acadêmicos. Além da presença do Coordenador do Projeto, o Prof. Dr. Dinaldo Silva Júnior, registramos a presença da Coordenação do Curso de História o Prof. MSc. Jonathan Viana e o Técnico João Pinheiro, do Cacique da Aldeia do Manga, José Elito dos Santos, dos Alunos, dos Professores e de Coordenadores da Escola Estadual Jorge Iaparra situada na própria Aldeia, além dos integrantes da Comunidade.

As temáticas abordadas foram: História das Prisões e as Comunidades Tradicionais, Elementos de Tortura e de Apreensão de membros das Comunidades Tradicionais ao longo da História do Brasil e os Aspectos Sócio-Culturais das Punições dentro das Comunidades Tradicionais exercidas por seus Membros, entre outras.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949

 

Recebamos o mais novo Mestre do Binacional

Com o título A MOBILIDADE DE ESTRANGEIROS E SUA INFLUÊNCIA SOCIOECONÔMICA NA FRONTEIRA DO AMAPÁ (BRASIL) COM A GUIANA FRANCESA (FRANÇA), sob a orientação do Prof. Dr. Handerson Joseph, o Professor Jonathan Viana da Silva defendeu em forma de relatório sua dissertação sobre “Os deslocamentos transfronteiriços nas últimas décadas e que têm aumentado consideravelmente, motivados por diversos fatores, entre os quais fatores sociais, políticos, mas principalmente econômicos. Tais deslocamentos são mais presentes em cidades de faixa de fronteira, pois o custo desse tipo de mobilidade é relativamente baixo, devido à proximidade espacial facilitada pelo acesso terrestre ou, em alguns casos, com baixas dificuldades marítimas, como apenas a travessia de um rio. Ainda, o relatório técnico teve como objetivo investigar a maneira pela qual o deslocamento e a circulação de estrangeiros, principalmente os que residem na Guiana Francesa, influenciam na movimentação da economia da cidade de Oiapoque /AP”, destaca o mesmo.

Na composição da banca, estiveram os Professores Dr. Dinaldo Barbosa e a Dra. Carmentilla Martins.

O Ato que ocorreu no dia 19/09/2019 foi marcado pela a presença da Coordenação de História do Binacional a Profª. Evelanne Silva, representantes do Curso de Biologia do Binacional, discentes e docentes da UNIFAP, bem como, do discente do PPGEF o Prof. Edielson Silva.

O Campus Binacional, representado aqui pelo o curso de História do Binacional, dar as

boas-vindas ao novo Mestre.

 

CONVITE – DEFESA DE DISSERTAÇÃO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949

INFORME (REVISTA HISTÓRIA & DEBATE).

Com intuito de contribuir com a promoção do trabalho de pesquisadoras e pesquisadores no campo da História e outras Ciências Sociais, está sendo criada a revista História & Debate, vinculada ao corpo docente do curso de História da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) e tendo membros(as) de outras IES em seu conselho editorial.

O periódico funcionará em fluxo contínuo para recebimento de artigos, resenhas de livros, entrevistas e ensaios a partir do mês de outubro, além da previsão do lançamento de seu primeiro dossiê temático sobre a Amazônia para o próximo semestre. Nesta etapa inicial, os trâmites legais referentes aos registros de ISBN e ISSN já está em andamento, o que tornará o processo de validação acadêmica junto a outras plataformas científicas (como SCIELO e ORCID).

Novidades em breve!

Atenciosamente,

Prof. Paulo Milhomens,

Editor-chefe.

www.historiaedebate.periodikos.com.br

Historiador e sociólogo Paulo Milhomens lança obra sobre xamanismo e jesuitismo na América Portuguesa.

O professor Paulo Milhomens (docente do curso de História da Universidade Federal do Amapá e Doutorando em Sociologia pela UFPB) acaba de lançar o livro Imaginário resiliente: ensaios sobre xamanismo, jesuitismo e América Portuguesa (2019) pela Mídia Gráfica & Editora (João Pessoa, Paraíba) e com parceria e divulgação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Resultado de uma pesquisa realizada na PUC-SP, o trabalho trata de forma interdisciplinar temas concernentes à História do Brasil, sobretudo, o período equivalente ao século XVI. O livro é composto por dois ensaios que tratam da Modernidade histórica e imaginária através do pensamento jesuítico (tanto na Península Ibérica como na América Portuguesa). Já primeiro ensaio discute de forma mais universal o pensamento arquetípico xamanista e a função sócio-histórica do mito.

O livro será lançado oficialmente em julho na UFPB e posteriormente em outras instituições como Universidade Federal Fluminense e Universidad de La República (Uruguay).

Livro disponível em:

www.drive.google.com/file/d/1QNf8kGi4ckMp3VFHAkISEZkwSZtdcf17/view

Bibliografia complementar disponível em:

www.cchla.ufrn.br/publicacoes/arche.pdf

 

 

 

 

 

 

 

2ª Semana de Ciências Sociais e Sociologia do Marco Zero

A 2ª Semana de Ciências Sociais e Sociologia com o tema Gênero: políticas públicas e movimentos sociais que ocorreu de 20 a 24 de maio.

Com temáticas que envolveram Povos tradicionais e comunidades étnicas do Amapá: possibilidades e abordagens na pesquisa social; Laços de sociabilidade LGBTQ+ no ambiente acadêmico; e Feminismo contemporâneo na perspectiva das mídias e dos movimentos sociais, a comunidade acadêmica pode debater com entusiasmo questões caras da sociedade contemporânea.

Representando o curso de História do Campus Binacional, o Prof. Dr. Dinaldo Barbosa, destaca que a cada dia a integração entre as unidades da UNIFAP consolidam as parcerias e os projetos de ensino, pesquisa e extensão.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949

 

Mais duas alegrias para o nosso Oiapoque!

Com o título Aspectos históricos da violência contra a mulher na fronteira franco-brasileira: uma breve análise do município do Oiapoque, as alunas Biatriz Oliveira e Josilene Gusmão alcançaram o grau de Licenciadas em História do Campus Binacional.

A banca formada pelos os Professores Dinaldo Barbosa (Orientador), Carmentilla Martins (Avaliadora Externa) e Jonathan Viana (Avaliador Interno), oficializaram o ato que transcorreu na maior normalidade no dia 24 de maio de 2019 no auditório da Biblioteca Central do Campus Marco Zero.

Que venham mais graduados em História.

* Texto e Imagens: Professor Dr. Dinaldo Barbosa da Silva Júnior SIAPE 2190949