Morre médico que atendia comunidades indígenas do Oiapoque

O médico cubano Juan Carlos Guerra Mora, de 51 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira (27/06), após sofrer um infarto fulminante no Hospital de Emergências (HE) de Macapá. Especialista em saúde comunitária, ele fazia parte do programa ‘Mais Médicos’, do Governo Federal, e atuava na aldeia Kumenê (etnia Palikur) e aldeia Kumarumã (etnia Galibi-Marworno)  no município de Oiapoque.

medico Juan Carlos Guerra Mora

 

Deixe uma resposta


*